golden archiconfrerie de Ieschouah.png
A MEDALHA

Essa medalha geralmente leva o nome de « medalha do campo dei fieri ». 
A original dessa medalha foi descoberta por Mr Boyer D'Agen em uma manhã de Março de 1897 em Roma no mercado de « Campo dei Fiori ».
A face que pode ser vista aqui mostra uma bela semelhança com os retratos autênticos mais prováveis do Cristo: O Véu de Verônica, a Imagem de Edessa e o Santo Sudário de Turim.  
Também corresponde à descrição de Jesus feita por Publius Lentulus, governador da Judéia sob o reino de Tibério César, e com as visões de Anne Catherine Emmerich.
Na parte de trás dessa medalha pode-se ler uma inscrição em caracteres Hebraicos sagrados: « O Messias reinou. Ele veio na paz e se tornou a Luz do homem, ele está vivo. » Essa é a frase que você pode ler em hebraico no alto dessa página. Essa frase também é utilizada em várias práticas e orações da archiconférie.

Esta medalha data do primeiro século, quando Jesus ainda estava na terra e corresponderia, segundo alguns especialistas, a uma das "tesseras" que os primeiros cristãos passavam de mão em mão com sinal de reconhecimento por volta do ano 70.  
Uma apresentação completa histórica e simbólica da medalha de Ieschouah é dada aos membros da Archiconfrérie com os documentos da segunda etapa.  

Difícil de se encontrar até hoje, essa medalha folheada a ouro pode ser usada por qualquer pessoa que deseje receber a proteção e bênção de Ieschouah.
Presa por uma fita de três cores negro, vermelho e branco, é enviada a todos os membros da archiconfrérie com sua inscrição. Também é possível encomendar para si e oferecer aos membros de sua família ou amigos. Basta clicar aqui para exibir a página de pedido. Essas medalhas são consagradas pelo Il. Grande Patriarca Rosa-Cruz da Ordem Kabbalistica da Rosa-Cruz para os membros da Archiconfrérie.